Agenda - Cabo Frio Imprimir E-mail

JOVENS PIANISTAS: APRESENTAÇÃO EM ABRIL

O Teatro Municipal Inah de Azevedo, em Cabo Frio, recebe, no dia 5 de abril, a 43ª edição do recital de piano da série “Jovens Pianistas”. Esta edição da série apresenta a jovem pianista mineira Patrícia Glatzl que preparou para o programa extenso com algumas músicas como a 'Sonata Appassionata', de Beethoven, o 'Improviso n°2 – Opus 90' de Schubert e a “Rapsódia Húngara n°6” de Listz. A joven pianista é natural de Juiz de Fora e iniciou seus estudos de música na cidade de Viçosa com a professora Denise Costa. Patrícia graduou-se na UNIRIO na classe do professor Claudio Dauelsberg e atualmente, é orientada pela professora Myryan Dauelsberg e faz mestrado em práticas interpretativas na UFRJ. O recital está programado para iniciar às 20h, com entrada gratuita.

Programa
Ludwig van Beethoven (1770 - 1827)
- Sonata para Piano nº 23 em Fá menor, Opus 57 – Appassionata
Allegro assai
Andante con moto
Allegro ma non troppo - Presto
Franz Schubert (1797 – 1828)
- Improviso Opus 90 nº 2
Franz Liszt (1811 – 1886)
- Rapsódia Húngara nº 6
Frederick Chopin (1810 – 1849)
- Balada nº 1, em Sol Menor, Opus 23
- Barcarola, Opus 60
Sergei Prokofiev (1891 – 1953)
- Tocata em Ré Menor, Opus 11

Serviço
Série “Jovens Pianistas”
Patrícia Glatzl
Data: 5/4/2014 - Sábado
Horário: 20 horas
Local: Teatro Municipal Inah de Azevedo
Endereço: Rua Anibal Amador do Vale, s/nº
Algodoal – Praia do Forte

(Fonte: Portal G1)



 


MART DEVE SER INAUGURADO EM JUNHO

O MART, Museu de Arte Religiosa e Tradicional, de Cabo Frio deve ser reaberto ao público em junho. Pelo cronograma faltam apenas as obras para conter as infiltrações. As melhorias já começaram e são vistas na fachada. As telhas da varanda foram limpas e serão recolocadas. O museu funciona no antigo convento de Nossa Senhora dos Anjos. O prédio tem mais de 300 anos e desde o dia 13 de janeiro passa por obras de revitalização. A restauração da estrutura do local está prevista em pouco mais de meio milhão de reais. Dinheiro do governo federal. As novas telhas já chegaram e não foram fáceis de encontrá-las. Nas paredes do convento, sinais do tempo que, aos poucos são reparados. Computadores e móveis dos escritórios estão no coro da igreja. O trabalho administrativo está sendo feito ao ar livre. Enquanto o museu passa pela reforma, parte do acervo foi para a sala de exposição permanente. Mais de mil exemplares da biblioteca e esculturas dos séculos XVII e XVII estão protegidos na sala. E todo material volta a ficar a disposição do público daqui a três meses. A previsão é de que o Mart seja reaberto no dia 13 de junho. Sobre o intenso trânsito de veículos no entorno do museu, o iphan informou que há dois anos, há uma sentença judicial determinando a retirada do terminal de ônibus de frente do museu. Ainda segundo o instituto um tac (termo de ajustamento de conduta) deve ser assinado com a prefeitura para que essa sentença seja cumprida. De acordo com a secretaria de transporte de Cabo Frio, o ponto das linhas municipais foi modificado para 25 metros a frente, mas não há prazo para a retirada do terminal intermunicipal.

(Fonte: Portal G1)

 
Banner

Web Rádio Gazeta das Cidades

Enquete

Banner


Banner