A obra da subida da serra de Petrópolis, enfim, parace que será retomada

Edsom Leite / Divulgação
Após reunião com o ministro dos Transportes, Maurício Quintella Lessa, e o diretor-geral da ANTT, Jorge Bastos, o deputado federal Hugo Leal (PSB/RJ) anunciou que as obras da Nova Subida da Serra, na BR-040 (Rio/Juiz de Fora), paralisadas há mais de dois anos, serão retomadas já no segundo semestre. "O governo está finalizando o projeto executivo, com a participação do Tribunal de Contas da União e do Ministério Público, para que a obra seja efetivamente concluída", afirmou o parlamentar.

A construção da Nova Subida da Serra de Petrópolis, prevista para ser concluída em 2016, só foi iniciada após a celebração do 12º termo aditivo entre a Concer, concessionária da BR-040, e a ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), considerado ilegal e lesivo ao interesse público pelo TCU e pelo MP. Auditoria realizada por técnicos do Tribunal de Contas constatou sobrepreço de R$ 400 milhões no orçamento da obra e outras irregularidades. A Concer paralisou as obras. "O ministro descartou qualquer possibilidade de prorrogação do contrato e garantiu que o governo estuda a melhor maneira de relicitar a BR-04)", informou Hugo Leal.

Na reunião, foram discutidos também os problemas no trecho Belo Horizonte/Brasília, da BR-040. O ministério estuda a possibilidade de uma solução conjunta para os dois trechos da rodovia. Sobre a Rio/Juiz de Fora, o ministro Maurício Quintella disse ainda que as obras não podem ser retomadas imediatamente porque o projeto executivo precisou ser revisto. "A inadequação do projeto executivo feito pela Concer foi uma das constatações da auditoria do TCU nas obras da Nova Subida da Serra. O mais importante é que as obras serão retomadas e teremos uma nova licitação para a BR-040", afirmou o deputado Hugo Leal.
 
(Fonte: Arquivos da Gazeta)

Comentários