quinta-feira, 18 de julho de 2013

Teoria mostra 'conexões dinâmicas' da Pixar

Uma teoria lançada por um fã dos filmes do estúdio Pixar ganhou força na web. O jornalista Jon Negroni, analista de mídias sociais batizou a ideia de Pixar Theory. Segundo Negroni, todos os filmes da Pixar estão conectados e acontecem dentro do mesmo universo, contando uma história maior. O texto (em inglês) já rendeu a ele o apelido de "Edward Snowden da Pixar" (referência ao ex-funcionário da inteligência americana que denunciou um grande esquema de espionagem). Por causa da teoria, Negroni foi citado no Twitter até mesmo por Lee Unkrich, diretor de "Toy Story 3", "Monstros S.A." e "Procurando Nemo".

Segundo Negroni, cada filme está conectado aos demais e cada um deles influencia todos os outros. Na análise, o jornalista agrupou os filmes do estúdio em diferentes eras, colocando-os em ordem cronológica. Segundo ele, há uma saga maior que é narrada em conjunto pelos filmes. Nesse caso, o "apocalipse" que seria causado pela crescente demanda energética de humanos e máquinas. Nesse enredo maior, os animais evoluem num ritmo rápido e a inteligência artificial é causa de preocupação para os humanos. O ratinho Remy de "Ratatouille", por exemplo, só se comporta de maneira humana porque, em "Valente", que acontece milhares de anos antes, uma bruxa faz experiências com animais nesse sentido.

Por causa do comportamento humano dos animais, o vilão de "Up - Altas Aventuras" teria criado colares que ajudam seus cachorros a falar. Já Carl, protagonista do filme, teria sido expulso de sua vizinhança pela mesma empresa que poluiu a Terra em "Wall-E". Por fim, as portas de "Monstros S.A." não seriam entre diferentes dimensões, mas entre períodos temporais da humanidade. A lista mostra apenas alguns dos exemplos de conexões entre os filmes. A teoria é bem longa e intrincada. Negroni teria passado um ano inteiro estudando os filmes para escrevê-la. Negroni continua atualizando o texto com dicas dos leitores. A Pixar não se pronunciou sobre a teoria. É só coincidência ou faz mesmo sentido.

(Fonte: Yahoo Notícias)

Nenhum comentário:

Postar um comentário