"Estética na Arte" na Casa Cláudio de Souza

Na próxima quinta-feira, 18 de abril, acontece a segunda palestra do ciclo “Arte Brasil - um giro pela nossa trajetória artística”, na Casa de Cláudio de Souza (Museu Imperial/Ibram). Com início às 19h, a atividade terá como tema “A Estética na Arte”, ministrada por Isli Melanie Gabrich. Segundo a palestrante, o objetivo é fazer uma reflexão sobre a Arte. A palestra abordará as categorias fundamentais da “Beleza” e as mais importantes tentativas já empreendidas para estabelecer as suas fronteiras no decorrer da história.

“Os valores estéticos não estão isolados, são reflexos dos valores morais e políticos. Afinal, julgamos o que vemos de acordo com o nosso tempo histórico e os nossos valores estão também situados historicamente. Mas o que é o Belo? O que é o Feio? Pode o Feio também ser considerado Arte? O Belo da Arte é a mesma coisa que Beleza? Que tal analisarmos isso? A Arte é uma forma de conhecimento poético. É uma atividade criadora e, portanto, social. Refletir acerca da Arte é também refletir acerca da sociedade e das aspirações humanas.” Afirma.

Sob coordenação da artista plástica Graça Pimentel, o projeto “Arte Brasil - um giro pela nossa trajetória artística” é formado por palestras mensais que, através de temáticas específicas, contam um pouco da História da Arte no Brasil. A entrada é gratuita. O primeiro encontro aconteceu no dia 21 de março, abordando a chegada dos artistas franceses no Brasil durante a transferência da Corte Portuguesa para o Rio de Janeiro. Os próximos serão nos dias 16 de maio, com o tema “Vida e obra de Etienne Demonte” (André Demonte e Renato Serra), e 20 de junho, sobre “Obras de Vick Muniz” (Bia Penna), sempre às 19h.

O objetivo do projeto é formar público e criar interesse, principalmente nos jovens, sobre Arte. As palestras apresentam-se como uma forma de motivar o conhecimento e informar o percurso da arte brasileira desde a vinda da família real portuguesa para o país. A Casa de Cláudio de Souza fica na Praça da Liberdade, 247, Centro, Petrópolis. O espaço, doado ao Museu Imperial pelo escritor e teatrólogo Cláudio de Souza, recebe eventos artísticos e culturais, além de abrigar exposições sobre seu titular. A casa também está aberta à visitação de terça a sexta-feira, das 11h às 18h, com entrada franca.

Mais informações podem ser obtidas pelos telefones (24) 2245-3418 e (24) 2245-2136 ou pelo e-mail mimp.casaclaudiodesouza@museus.gov.br.

Comentários